Dicas-para-retencao-funcionarios
Conteúdo para empresas

5 dicas para a retenção dos funcionários na empresa

Já parou para pensar no quão estratégica é a política de retenção de funcionários de uma empresa? Além de manter no quadro de colaboradores aqueles talentos que se destacam, a retenção é, também, uma forma de reforçar o posicionamento da marca

Mas sabemos que, no nosso atual cenário socioeconómico, fazer com que bons profissionais desejem permanecer por um longo período na mesma empresa é um verdadeiro desafio. 

Diante desse contexto de alto turnover e muita movimentação, cabe aos profissionais de RH utilizar metodologias diferenciadas de retenção de funcionários. Neste post, daremos algumas dicas para te ajudar a montar um programa de valorização e manutenção de talentos. 

Boa leitura! 

O que é a retenção de funcionários? 

Tão importante quanto saber como fazer uma boa retenção de funcionários é compreender a amplitude desse conceito. Por isso, vamos refrescar a memória com uma breve explicação.

Retenção de funcionários é o conjunto de estratégias adotadas por uma empresa para estimular os melhores talentos a permanecer prestando seus serviços ao grupo. 

A importância de investir na retenção de talentos

Uma empresa que investe em retenção de talentos contribui para a criação de um ambiente de trabalho saudável, com colaboradores valorizados e focados em gerar resultados de alto impacto

Cuidar das técnicas de retenção pode trazer, ainda, uma série de benefícios, tanto do ponto de vista da gestão, quanto do ponto de vista dos recursos humanos. 

Alguns desses benefícios são: 

  • nível elevado de qualidade das entregas;
  • conservação do capital intelectual da organização;
  • maior envolvimento da equipa;;
  • menos gastos com os trabalhadores em rescisões e despedimentos;
  • aumento da reputação da empresa;
  • fortalecimento da imagem institucional. 

O que motiva talentos? 

Uma pesquisa realizada pelo LinkedIn em 2018 com profissionais das indústrias de Tecnologia da Informação trouxe dados reveladores sobre a motivação de talentos.

No estudo, feito com entrevistas a mais de 10 mil profissionais, a falta de oportunidades para evoluir na carreira, a insatisfação com a liderança e a insatisfação com o ambiente e com a cultura da empresa foram os três principais motivos apresentados como razões para deixar uma organização. 

Além disso, projetos mais desafiadores, boas políticas de remuneração e benefícios e reconhecimento às contribuições individuais também estiveram na lista. 

Com base nesses dados, já é possível ter uma boa ideia do que os funcionários procuram numa empresa, não é mesmo? A seguir, falaremos sobre algumas formas de trabalhar essas questões, fazendo com que os colaboradores desejem permanecer na empresa. 

5 dicas para manter os funcionários

Algumas estratégias são fundamentais para possibilitar a retenção de funcionários de uma empresa, reduzindo as taxas de turnover e os índices de insatisfação com o trabalho.

Separamos 5 dicas para te ajudar a construir uma política de retenção pautada no reconhecimento do colaborador e na sua integração com os valores da empresa

  1. Criação da cultura de feedback

Estabelecer rotinas de feedback pode ser benéfico sob vários aspectos. Além de estimular o colaborador a levantar questões e expor pontos de insatisfação, é, também, uma oportunidade de reconhecer aspectos positivos e moldar os negativos. 

Os feedbacks podem acontecer no formato one-on-one (líder e colaborador), entre supervisores e empregados ou até mesmo entre RH e funcionários. 

O importante aqui é criar a cultura do diálogo aberto, que elimine barreiras hierárquicas e permita que o funcionário perceba que tem acesso aos seus superiores quando for necessário. 

  1. Envolvimento da liderança

Entretanto, de nada adiantaria uma rotina de feedbacks entre líderes e colaboradores se os primeiros não estivessem envolvidos no propósito. 

Uma liderança pouco comunicativa pode se tornar um dos principais motivos para o desejo de descontentamento dos funcionários, como vimos na pesquisa do LinkedIn mencionada acima. 

  1. Trabalho constante no clima organizacional

Oferecer uma rotina saudável para os colaboradores é, também, um dever da empresa que preza pela retenção de funcionários. Realizar pesquisas e ouvir as insatisfações da equipa pode parecer um pequeno detalhe, mas faz a diferença na rotina de quem dedica a maior parte do seu dia a prestar um serviço. 

Outra forma de trabalhar o clima organizacional é por meio de eventos, celebrações e reconhecimento de boas práticas.

  1. Gestão de programas de inovação

Colaboradores de alta performance estão sempre à procura de novos desafios. Se não os encontram dentro do ambiente da empresa, tendem a fazer isso no mercado. 

Uma maneira de evitar a perda de talentos é criando e estimulando programas de inovação. Estruturados como eventos ou cursos paralelos ao trabalho, os programas dão espaço a contribuições que impactem positivamente nos resultados da empresa, e englobam quaisquer áreas de atuação, de administrativas a operacionais. 

  1. Responsabilidade social como forma de retenção de funcionários

Vivemos um momento em que as questões socioambientais estão em foco. É praticamente impossível, que um jovem apto a entrar para o mercado de trabalho, não conheça e não possua uma posição definida sobre essas questões. 

Nesse sentido, é esperado que as empresas que tenham responsabilidade social como parte de seu DNA sejam mais atrativas e se possam tornar na escolha a longo prazo dos colaboradores. 

Ações de responsabilidade social são estratégias interessantes para criar vínculos reais entre a empresa e os seus colaboradores. Sentindo-se parte de uma organização que promove mudanças positivas na sociedade, o funcionário encontra motivação e propósito para seguir o seu trabalho. 

Identificar-se com a cultura da empresa é um dos objetivos dos funcionários que optam por fazer carreira numa organização. Portanto, se notarem que a responsabilidade social é um conceito de aparência, tendem a iniciar uma procura por novas oportunidades. 

Apostar em técnicas de retenção de funcionários exige estudo prévio e conhecimento profundo dos valores da empresa. Desta forma, é possível criar ações e programas verdadeiramente efetivos e capazes de envolver os colaboradores para uma vida duradoura na organização. Se quer saber mais sobre responsabilidade social corporativa e dicas para uma gestão de pessoas mais conectada à transformação das comunidades, registe-se na nossa newsletter e não perca nada!

Share via
Copy link
Powered by Social Snap
Close Bitnami banner
Bitnami